Jwatanabe | Jwatanabe
15521
page-template-default,page,page-id-15521,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

Jwatanabe

 

 

A Jwatanabe é especializada na produção e distribuição de hidropônicos, higienizados, legumes e convencionais.

Nosso objetivo maior é oferecer produtos com qualidade, frescor e segurança, bem como, colocar à disposição de nossos clientes um leque de variedades.

Para que nosso objetivo seja alcançado, contamos com uma equipe de funcionários e consultores qualificados e também com a assistência de agrônomos que fazem o acompanhamento de nossa produção. Garantia em atender a nossos clientes com produtos de alta qualidade, primando pelo respeito ao meio ambiente. Por isso adotamos o conceito “Com dedicacão levando saude até você’’.

 

História

 

Eizo Watanabe, nascido em 10 de agosto de 1949, veio de uma família de imigrantes japoneses, que devido a guerra vieram para o Brasil. Seu pai, Teruo Watanabe era carpinteiro no Japão. Em 1959, ao se mudar para o Brasil dedicou-se ao trabalho na lavoura de verduras, como parceiro. Seu filho, Eizo, começou a trabalhar muito cedo. Logo aos 8 anos de idade, pois, como irmão mais velho de 3 irmãs e 5 irmãos, tinha que contribuir com o sustento da família. O pequeno Eizo lavava as verduras que seu pai colhia.

Em 1960 a família Watanabe vai trabalhar em uma granja. Já em 1961 mudaram-se para Ibiúna para trabalhar como parceiros na lavoura de verduras do Sr. Imano, nas proximidades do Km54 da Rodovia Raposo Tavares. Naquela ocasião o clima era bastante diferente em Ibiúna. Nos anos 60 chovia muito no município e as enchentes nas lavouras eram constantes. Os negócios da família não iam bem.

Em 64 o Sr. Imano concedia a última tentativa à família Watanabe. Era o momento do acerto no alface e na beterraba. Com a receita das colheitas a família conseguiu quitar dívidas, além de arrendar (alugar) um terreno que até nos dias atuais está com a família e é denominado Sítio Brejo.

Eizo começou a produzir no sítio aos 14 anos. Os primeiros anos não foram produtivos, mas em 1969 os negócios começaram a dar frutos, dando estabilidade à família.

Ainda em 69 foi a aquisição do primeiro caminhão, ainda movido a gasolina. Mas as coisas nunca foram fáceis, pois para se irrigar uma plantação era preciso mover o motor de valeta a valeta. As caixas usadas para transporte de verduras eram de madeira e pesavam 3 vezes mais que as caixas dos dias de hoje. Em 1971 começam os primeiros desafios com a mão de obra. Com 12 funcionários e um sítio com área em produção, o seu vizinho resolve tirar todos os funcionários. A família teve que trabalhar noite e dia para não deixar que a produção fosse afetada.

No ano de 1972 a família decide trazer diversas famílias para trabalhar como meeiros, pois a mão de obra de empregados estava muito difícil. A primeira família de meeiros foi a do Sr. Tanaka, que veio da região do Paraná.  Atualmente contamos com 15 famílias.

Em 1978 a Família Watanabe comprou o sítio que hoje em dia é a sede do Sr. Eizo e a sede J. Watanabe.

 

A J.Watanabe foi idealizada por um jovem empreendedor chamado Joiji Yoshio Watanabe nascido em 23 de maio de 1989. Filho do Sr. Eizo, Joiji é formado pela faculdade Estácio em Administração de Empresas. Em 2009 Joiji estagiou na empresa CAISP.  Foi nesse momento que o jovem empreendedor teve a ideia de começar a produzir hortaliças em sistema hidropônico.

Em 2012 começou a comercializar verduras e legumes nos supermercados da região, dando continuidade ao trabalho do pai, Sr. Eizo.